Continuemos com nossa fé sem medo (Beatriz Silveira)

Minha mãe Eliana, meu pai Alaor,

Deus nos proteja e nos abençoe. Nossa mãe Maria Santíssima nos envolva em sua boa e poderosa proteção.

A Dona Belmira está aqui, viu mãe?

Graças à Deus, a minha alegria permanece, porque a vida prossegue aqui com suas possibilidades.

Não me arrependo jamais com as buscas pelas cirurgias, para que me sentisse melhor. Não mudaria a minha decisão, mas creio que os mistérios de Deus estão escritos em nossas próprias necessidades.

Eu precisava fazer àquela correção, um detalhe, mas é neste detalhe que eu encontrei a vontade do Pai maior, que tudo sabe e tudo provê.

Não se sintam em casa como se uma bengala lhe faltasse.

Nada mudou, porque quero ver a Fran, o Dani e a Carol mandando ver a orquestra da família Silveira.

Mãe, deixo também o meu beijasso à minha eterna Duda, e o quê? Espera aí, você acha que esqueceria de meus tesouros de vida? Beijo para o Lucas, para Giovani e a Julia, marcas vivas de mim perto de você.

Continuemos com a nossa fé sem medo.

Chore mãe, mas chore com saudades e esperança. Saudade e dor não, por favor!

Irei seguir aqui com os meus projetos e com a fé que sempre vivi em nossa família.

Aqui também encontramos templos de oração e as igrejas, todas elas em outro conceito, mas sem que percam a sua história e tenho participado com alegria e entusiasmo.

E deixarei mãe, a minha lembrança que tanto amo.

Bom retorno para casa.

Bia

BEATRIZ VIEIRA CORREIA DA SILVA SILVEIRA
(24/08/2013, 30 anos)

Mensagem psicografada na Associação Beneficente Espírita Caminheiros do Bem, em Curitiba, no dia 21 de maio de 2017, pelo médium Orlando Noronha Carneiro. 

Posted in Destaques, Psicografias